O olhar de um produtor rural: As transformações de um MS que evoluiu junto com a agropecuária

"/>
Agropecuária | Leandro Abreu - Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul | 18/10/2021 10h28

O olhar de um produtor rural: As transformações de um MS que evoluiu junto com a agropecuária

Compartilhe:

Do desbravamento, à correção do solo, ao aumento da produção, rumo ao acerto biológico. “Mato Grosso do Sul evoluiu com o campo! Se temos tanto a avançar com novas tecnologias e processos, iremos evoluir cada vez mais”, projeta o produtor rural Antônio de Moraes Ribeiro Neto. Liderança, empreendedor e “observador” da história, ele vem acompanhando a transformação do estado desde a sua divisão, há 44 anos. 

“Tivemos a época do desbravamento, onde acertamos a topografia do solo. Depois veio o período em que investigamos o que a terra nos demandava, e complementamos com calcário, gesso, fósforo, potássio. Agora, estamos avançando para o acerto biológico do solo, o que nos trará ainda mais avanços”, analisa.

Sob seu ponto de vista, os produtores rurais sempre participaram do progresso de MS. “Conforme fomos evoluindo, fomos acrescentando ganhos no nosso dia a dia. Quando comecei, o abate era de boi de 16 arrobas com quatro anos de idade. Hoje, o abate é de boi com19 a 20 arrobas, e de 16 a 17 meses. Produzíamos 20 sacas de soja por hectare. Hoje, produzimos de 70 a 80 sacas de soja por hectare. Mas ainda temos muito a fazer. Penso que vamos entrar em um ganho maior a partir desse acerto biológico com a nossa terra, a partir da tecnologia e da pesquisa”, afirma.

Antônio, conhecido como “Toninho”, avalia que nesse contexto, a sociedade também avançou em 44 anos. “Nesse tempo sempre estiveram presentes a Famasul e o Senar, que surgiram logo após a divisão do estado. Boa parte desse ganho à escala social de MS, da agropecuária, aconteceu graças ao Senar e à Famasul. Sempre estiveram e estarão junto aos produtores. Temos muito por fazer. Tivemos avanços e não vamos parar aqui. Nós vamos continuar evoluindo”, ressalta.

VEJA MAIS
Compartilhe:

PARCEIROS